quarta-feira, 9 de abril de 2014

Sou o sumo do teu amor


se um dia eu te avistar, não desviarei meu olhar
cega estarei, sei ! és a luz que busco há eras
( nos céus, nas estrelas... no coração)
todo o universo na palma da minha mão
te vestes de enigmas
és promessa!

nada temo, irei olhar o ‘sol‘ de frente, sim!
condenar-me ? não creio, não! 
a luz irá matar meus olhos , não a minha visão.

me pouparás? sabes quem sou?
importa , não! seja eu quem for
sei que irás te desvelar e me elevar
às alturas que mereço estar.

sou a tua magia ! nunca, experimento!
em mim vivem sentimentos
e pensamentos
(teus segredos)

sou tua criatura,
homem!
o sumo do teu
amor!






Um comentário:

Skyline Spirit disse...

pretty nice blog, following :)