terça-feira, 14 de junho de 2011

A tua imagem é o teu amor...

Como a tua imagem
Está em mim
Quer acordada
Quer sonhando...

Ela se aninhou na minha alma...

Se fecho meus olhos
Sempre te vejo
Minha visão interior
Absorve-te por inteiro...

Te acomodas no meu coração...

Derramas-te
Sobre meu sentir
Como uma chuva
De puro amor a fluir...

Gosto que seja assim...

Envolves os meus sentidos
Enches o meu intelecto
Nada me parece incerto...

3 comentários:

Célia Gil, narciso silvestre disse...

Um maravilhoso conto de fadas! É tão bom quando o amor é assim! Bjcas. Célia Gil

Célia Gil, narciso silvestre disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Alice Luconi disse...

Olá querida Célia...espero que estejas restabelecida. Obrigada pela visita minha querida amiga.

Bjs